Belém POLÍCIA

PMs que agrediram dupla no bairro Val-de-Cans são afastados e investigados

A pedido do promotor de Justiça Militar Armando Brasil, um Inquérito Policial Militar (IPM) deverá ser instaurado para apurar a conduta dos agentes

06/04/2022 às 16h00
Por: Reinaldo Barros
Compartilhe:
Momento em que o PM desfere um soco em um dos homens abordados. (Reprodução/ Redes sociais)
Momento em que o PM desfere um soco em um dos homens abordados. (Reprodução/ Redes sociais)

​Os policiais militares do 1º Batalhão, que foram flagrados agredindo dois homens durante uma abordagem realizada no último sábado (2), no bairro Val-de-Cans, em Belém, já foram identificados e afastados, informou, nesta quarta-feira (6), a Polícia Militar do Pará. A pedido do promotor de Justiça Militar Armando Brasil, um Inquérito Policial Militar (IPM) deverá ser instaurado para apurar a conduta dos agentes.

​​Registros do caso dão conta de que os PMs abordam os homens e desferem vários socos contra eles, no momento em que são conduzidos para dentro da viatura. Não há informações sobre o motivo da confusão. Um terceiro homem apareceu com uma arma em mãos. Os policiais teriam justificado que não o abordaram, porque se tratava de um ex-militar. Para o promotor Armando Brasil, esse fato também precisa ser investigado, pois os PMs deveriam apurar a legalidade da arma que o cidadão portava.

Procurada pela reportagem, a PM confirmou que “um procedimento administrativo será instaurado para apurar o caso”. A instituição reforçou que não compactua com desvios de conduta de seus integrantes.

Fonte: O liberal

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários